NOTÍCIAS E EVENTOS

1. Introdução

A pancreatite canina é uma doença potencialmente fatal, difícil de diagnosticar. Os sinais de apresentação são comuns e inespecíficos, incluindo vômitos, anorexia e dor abdominal. A lipase pancreática oferece resultados que permitem confirmação do diagnóstico e também monitorização do tratamento. Ao contrário das atividades séricas da lipase, a concentração de lipase pancreática canina (cPL) não é afetada pela insuficiência renal ou administração de corticóides.

Pesquisas indicaram que os veterinários necessitavam de um ensaio rápido, preciso e facilmente interpretável. Dentre as opções disponíveis no mercado para a dosagem quantitativa de lipase pancreática estão o Kit Vcheck cPL da ECO diagnóstica e o teste qualitativo SNAP cPL da IDEXX. É disponível também a dosagem quantitativa nos laboratórios de referência da IDEXX utilizando o SPEC cPL.

O kit Vcheck cPL consiste em um ensaio imunofluorescente. O teste prossegue por dissolução de micropartículas de fluorescência (Európio) conjugadas com anticorpos específicos em diluente que reage com cPL na amostra. O SPEC cPL é um teste ELISA que se baseia na utilização de anticorpos monoclonais.

Um teste eficaz produz resultados correlacionados de perto com resultados do teste laboratorial de referência. Nesse sentido, o objetivo desse trabalho foi comparar a dosagem utilizando o Vcheck com a dosagem dos laboratórios de referência da IDEXX.

2. Objetivo

Realizar a comparação entre os métodos de diagnóstico de cPL in vitro ELISA realizado nos laboratórios de referência da IDEXX com a dosagem cPL por imunofluorescência utilizada pelo equipamento Vcheck da ECO diagnóstica.

3. Período de realização

Outubro de 2018

4. Material e Métodos

4.1. Material

Foram utilizadas 16 amostras de soro canino. Todas foram testadas nas duas metodologias disponíveis:

  • Vcheck cPL (ECO diagnóstica)
  • SPEC cPL (Laboratórios de referência da IDEXX)

4.2. Metodologia

Os testes foram realizados utilizando o Vcheck cPL de acordo com os procedimentos descritos na instrução de uso dos produtos e também encaminhados para o laboratório de referência da IDEXX. Foram considerados normais os cães que apresentaram dosagem abaixo de 200 ng/mL, Suspeito os animais entre 200 e 400 ng/mL e com Pancreatite aqueles com dosagem acima de 400 ng/mL.

4.3. Locais de realização dos ensaios

Os ensaios para foram realizados em um laboratório veterinário em São Paulo.

5. Resultados

  SPEC (μg/L) VCHECK (ng/mL)
1 454 707
2 30 <50
3 80 69
4 312 453
5 30 114
6 143 264
7 30 104
8 268 479
9 30 83
10 1852 > 2000
11 30 96
12 1078 1427
13 1875 > 2000
14 115 183
15 30 <50
16 131 242

 

  Total Vcheck cPL teste Total SPEC cPL Teste Correlação
Normal 9 10 90%
Suspeito 2 2 100%
Consistente com pancreatite 5 4 80%

 6. Conclusão

Os resultados obtidos em ambas as metodologias tiveram boa correlação entre si para quantificar o cPL. Com base nos resultados, o teste Vcheck cpL fornece uma análise precisa de lipase pancreática em amostras de soro canino, em comparação com o método utilizado pelo laboratório de referência da IDEXX. Assim, o VCheck traz uma alternativa rápida, prática e mais acurada para o diagnóstico de pancreatite em cães.

Depoimento

Atuo há quase 15 anos na área de sanidade em bovinos. Nesse tempo mudamos nosso foco de... (leia mais)

Rogério Carvalho Souza

Médico Veterinário, Doutor em Clínica e Cirurgia de Bovinos.

ECO DIAGNÓSTICA

Matriz: R. das Acácias, 1338 • SL. 906
Vale do Sereno • CEP: 34.006-003
Nova Lima • MG • +55 31 3653-2025

vendas@ecodiagnóstica.com.br

Filial: Av. Amarante Ribeiro de Castro, 551
Oliveira • CEP: 39.200-000 • Corinto • MG
+55 38 3751-1270